Indicadores de estilo de vida e Aptidão Cardiorrespiratória de adolescentes

Artigo publicado em Rev Paul Pediatr. 2017;35(1):61-68. Escrito por Eduardo Rossato de Victo, Gerson Luis de Moraes Ferrari, João Pedro da Silva Junior, Timóteo Leandro Araújo, Victor Keihan Rodrigues Matsudo


Objetivo: Associar indicadores de estilo de vida com a aptidão cardiorrespiratória em adolescentes de Ilhabela, São Paulo. Métodos: A amostra foi composta de 181 adolescentes (53% meninos) que faziam parte do Projeto Misto-Longitudinal de Crescimento, Desenvolvimento e Aptidão Física de Ilhabela. Foram analisados: composição corporal (peso corporal, estatura e índice de massa corpórea, ou IMC), transporte para escola, tempo sentado, atividade física, prática de esportes, tempo de televisão (TV), TV no quarto, sono, percepção de saúde, dieta e nível econômico (NE). A aptidão cardiorrespiratória foi estimada por meio do protocolo progressivo submáximo realizado em um ciclo ergômetro. Foram utilizados modelos de regressão linear com o método stepwise. Resultados: A média de idade da amostra foi de 14,8 anos e a de aptidão cardiorrespiratória foi de 42,2 mL.kg-1 .min-1 (42,9 nos meninos e 41,4 nas meninas; p=0,341). Na amostra total, IMC (coeficiente de regressão não estandardizado — B=-0,03), estatura (B=-0,01), NE (B=0,10), sexo (B=0,12) e idade (B=0,03) foram significativamente associados com aptidão cardiorrespiratória. Nos meninos, o IMC, a estatura, não praticar nenhuma atividade esportiva e a idade mostraram associações significativas com a aptidão cardiorrespiratória. Já nas meninas, IMC, NE e TV no quarto associaram-se com aptidão cardiorrespiratória. Conclusões: Indicadores de estilo de vida influenciaram a aptidão cardiorrespiratória, sendo o IMC, o NE e a idade comum entre os sexos. Não praticar esportes, para os meninos, e ter TV no quarto, para as meninas, também influenciaram a aptidão cardiorrespiratória. Medidas de saúde pública para melhorar os indicadores do estilo de vida podem ajudar a aumentar os níveis de aptidão cardiorrespiratória.

Palavras‐chave: Estilo de vida; Aptidão física; Atividade física; Adolescente.

download